Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Jardim Secreto

O Jardim Secreto

08
Fev17

Dos defeitos e feitio

É interessante quando chegamos a um ponto da nossa vida em que finalmente percebemos quem somos, nos aceitamos como somos, chegamos à sábia conclusão que não devemos mudar por ninguém, mas que por nós e pela nossa felicidade, devemos tentar ser uma melhor versão de nós mesmos. 

Tenho aqueles defeitos que não são bem defeitos, é mais uma questão de feitio... São inatos, fazem parte de mim.

Depois tenho outros (se bem que não sei se os chamaria de defeitos, talvez traços de personalidade) que adquiri ao longo do caminho, com más experiências, e que gostaria de mudar... Devo a mim mesma tentar fazê-lo, de modo a poder crescer enquanto pessoa.

Uma dessas coisas é que analizo demasiado as coisas, penso demasiado. Levo horas a matutar em determinados actos, determinadas palavras, reflectindo no que poderá ter levado a isto, porque sim ou porque não e acabo ficando stressada e com fumo a sair das orelhas. Já devo ter queimado uns quantos neurónios à conta disso. 

Também sou uma pessoa muito insegura, carente... frágil mesmo. Tenho sempre aquele pensamento no fundo da mente de que não sou boa o suficiente. Que acabo por afastar as pessoas. Que quem eu quero não me quer, e porque haveria de querer? Tenho a necessidade constante de atenção, de afecto e sei perfeitamente que tenho essa necessidade em excesso, pois a insegurança vem da falta de auto-confiança. Sou frágil no sentido que a mínima coisa, o mínimo comentário, o mínimo gesto (mesmo que tenha sido dito ou feito sem maldade) me deita abaixo. Sou frágil ao ponto de não ter praticamente defesas nenhumas contra a crueldade do mundo, que por vezes se manifesta.

Portanto, e estando perfeitamente ciente de tudo isto, estou numa viagem de auto-descoberta, de encontrar paz interior e de ser uma pessoa melhor e mais forte. 

Poderá até ser uma viagem longa, mas chegarei lá. Porque tenho pessoas maravilhosas à minha volta, que a cada dia me fazem descobrir coisas novas sobre mim, porque tenho um sorriso nos lábios e um coração puro, porque Deus guia os meus passos.

Chegarei lá porque quero. E consigo. 

4 cristais

Comentar post